blog

Home / blogPage 13
Três poemas de Paul Éluard

Três poemas de Paul Éluard

Três poemas de Paul Éluard   Seus olhos sempre puros Dias de lentidão, dias de chuva, Dias de espelhos quebrados e de agulhas perdidas, Dias de pálpebras fechadas para os horizontes dos mares, De horas iguais, dias de cativeiro. Meu espírito que ainda brilhava sobre as folhas E as flores, meu espírito está nu como

Saiba mais
Os cantos de liberdade de Sarah Maldoror

Os cantos de liberdade de Sarah Maldoror

Os cantos de liberdade de Sarah Maldoror A cineasta, autora de uma obra múltipla e rebelde e que participou das lutas de independência  do continente africano morreu segunda, aos 90 anos Luc Chessel «Maldoror, adieu !», parece lhe saudar – décadas depois que ela decidiu usar este nome de revolta – o canto terceiro do poema

Saiba mais
A história da solidão, por Jill Lepore

A história da solidão, por Jill Lepore

A história da solidão Jill Lepore A chipanzé fêmea do Jardim Zoológico da Filadélfia morreu de complicações decorrentes de um resfriado no início da manhã do dia 27 de dezembro de 1878. A “Senhorita Chimpanzé”, de acordo com os jornais, morreu “enquanto recebia as atenções de seu companheiro”. Tanto ela quanto seu companheiro – um

Saiba mais