Descendo a rua da Bahia – Correspondência entre Pedro Nava e Carlos Drummond de Andrade

Descendo a rua da Bahia – Correspondência entre Pedro Nava e Carlos Drummond de Andrade

Cartas, cartões, poemas, pequenos bilhetes que acompanhavam o envio de livros e recortes de jornal fazem emergir um retrato descontraído de dois dos mais brilhantes escritores modernistas brasileiros: o memorialista Pedro Nava e o poeta Carlos Drummond de Andrade. Testemunho de uma fiel amizade que nasceu nos anos 1920 e que atravessou seis décadas, esta viagem epistolar se inicia quando Nava, o médico recém formado, escrevia de Belo Horizonte ao amigo Carlos, o ainda iniciante poeta modernista, na época morador de Itabira.

Em edição anotada pelas organizadoras Eliane Vasconcellos e Matildes Demetrio dos Santos, a correspondência é contextualizada por notas históricas e enriquecida por fotos inéditas e manuscritos, além de crônicas, discursos e poemas que revelam uma amizade alimentada por admiração mútua, afinidades literárias e pela solidez do afeto nascido na juventude.

Com posfácio de Humberto Werneck, as mensagens cotidianas da vida se encontram iluminadas sob o foco do modernismo mineiro, permeadas de notícias da intelectualidade literária nos tempos áureos da rua da Bahia, que fez do centro de Belo Horizonte um dos pontos cardeais da história da literatura brasileira.

  • Compartilhar:

Detalhes do livro

ISBN: 978-85-69924-24-1

Número de páginas: 240

Formato: 14 x 21 cm

Ano: 2017

Projeto gráfico: Victor Burton